Fortaleza/CE

A cidade de Fortaleza desenvolveu-se sobre suaves ondulações litorâneas, às margens do Rio Pageú. Está localizada no litoral norte do estado do Ceará e limita-se: ao norte e ao leste com o Oceano Atlântico e com os municípios de Eusébio e Aquiraz; ao sul com os municípios de Pacatuba e Itaitinga e a oeste os municípios de Caucaia e Maranguape. Recebe em sua região metropolitana 16 bacias hidrográficas,sendo as mais importantes as dos rios Ceará, Pacoti, Cocó e Maranguapinho. Juntas, elas somam uma uma extensão de 336Km2. A cidade abriga ainda sete lagoas de médio porte: Messejana, Parangaba, Maraponga, Mondubim, Opaia, Pajuçara e Jaçanaú.

Fortaleza em um comércio muito atuante e diversificado, que em nada fica a dever aos maiores centros do país. Além do comércio do centro da cidade, dispõe de 10 shopping centers que atendem aos consumidores de seus principais bairros. Sua produção industrial está basicamente centrada nos ramos de vestuário-calçados, artefatos de tecidos, couros e peles - alimentos, extração e beneficiamento de minerais não-metálicos e produtos téxteis.

As principais manifestações folclóricas cearenses têm suas raízes na miscigenação das crenças e costumes dos brancos e negros que aqui chegaram nos primórdios de nossa povoação, com os dos indígenas que aqui já estavam. Fortaleza sempre representou para o folclore cearense um excepcional canal de divulgação. As manifestações folclóricas cearenses mais conhecidas são:

Bumba meu-boi ou Boi-Ceará - cantos e danças de culto religioso ao boi, de tradição lusuibérica.

Dança do Côco - originária dos negros. Na praia é somente para homens e no sertão é dançada aos pares.

Torém - dança indígena originária dos Tremembés.

Maracatu - de origem africana, consiste num cortejo dançante e, homenagem aos reis.

Violeiros, Cantadores e Emboladores - manifestação musical, na maioria das vezes expressando críticas sociais. É de origem tipicamente nordestina.

Fonte: Prefeitura Municipal de Fortaleza/CE

Flag Counter